Sindicato e Organização das Cooperativas Brasileiras no Estado de Mato Grosso

Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado de Mato Grosso

Mato Grosso - Brasil

Cooperativas de MT

Busca de Cooperativas de MT
Acessar

Intranet

Usuário:
Senha:
Acessar
RAMO AGRO
Importações lácteas voltam a crescer em julho
Dados foram apresentados pela Secex

Por MilkPoint

De acordo com os dados apresentados recentemente pela Secretaria de Comércio Exterior (Secex), em julho o Brasil importou 119 milhões de litros em equivalente leite, crescimento de 43,2% em relação a junho, e praticamente estável em relação a julho/17 (+1%). Com este aumento, o saldo da balança comercial foi afetado negativamente, fechando em -113 milhões de litros em equivalente leite, contra -76 milhões no mês anterior, como ilustra o gráfico 1.

Gráfico 1. Saldo mensal da balança comercial brasileira de lácteos. Fonte: Elaborado pelo MilkPoint a partir dos dados da Secex.

Importações lácteas voltam a crescer em julho

 

Este aumento nas importações ocorreu principalmente por conta do maior volume de leite em pó enviado ao Brasil em julho. No mês, foram internalizadas 9,3 mil toneladas (entre leite em pó desnatado e integral), 61% a mais do que o volume de junho (5,8 mil toneladas). Neste volume, o integral participou com 5,7 mil toneladas, 58,5% a mais do que em junho (e ainda 14% menor em relação a julho/17). No desnatado, foram 3,7 mil toneladas importadas em julho, com crescimento de 65,6% em relação a junho/2018 e de 42% ante julho/17.

Neste volume, importante ressaltar que o produto do Uruguai teve grande influência nas importações de julho. No mês, o país enviou 3,8 mil toneladas ao Brasil, contra 1,9 mil toneladas em junho (+101%), elevando assim sua participação total para 41% do leite importado pelo Brasil, contra 33% em junho.     

Em julho, também se buscou um maior volume de gorduras no mercado externo. Entre manteiga e butter oil, houve aumento mensal de 70% nas importações, sendo internalizadas 0,74 mil toneladas em julho, contra 0,44 mil toneladas do mês anterior.

Já nos queijos, a variação foi de 4%, sendo internalizadas 2,8 mil toneladas em julho contra 2,7 mil toneladas em junho. Os dados de comércio exterior para o mês de julho/2018 são apresentados na tabela 1.

Tabela 1. Balança comercial láctea em julho de 2018. Fonte: Elaborado pelo MilkPoint a partir dos dados da Secex.

Importações lácteas voltam a crescer em julho

 

 


Confira também:



Eventos


» Especialização em Gestão de Cooperativas - Turma 18
    26-10-2018 às 08:00
» Curso Encerramento de Balanço
    05-11-2018 às 00:00
» Viagem de Estudos com Foco em Lideranças - HSM Educação Executiva
    05-11-2018 às 08:00

Videos



Galeria de Fotos


 

"Cooperativismo. Você participa. Todos crescem."